quarta-feira, 7 de abril de 2010

Arroio às margens da BR-290 vira depósito de lixo



DEP diz que desassoreamento do local deve se iniciar nos próximos dias

Atualizada às 08h39min
Quem passa pela BR-290 se apavora ao olhar para as margens da rodovia nas proximidades do km 91, no bairro Anchieta, zona norte de Porto Alegre. Um acumulado de lixo, restos de animais e um cheiro forte tomam conta do lugar. O espaço fétido fica em frete ao prédio do centro de treinamento da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A policial rodoviária federal, Carla Brener, afirma que já entrou em contato com a prefeitura e que ficou constatado que o arroio tinha nascente no Rio Gravataí e que a responsabilidade de reparo do espaço seria do DEP.

— Até pensamos em resolver por nós mesmos o problema, mas fomos avisados de que não seria possível, pela lei, mas que também não havia previsão de canalização.

Carla disse ainda que faz parte dos planos da PRF construir uma barreira de vegetação para isolar o local.

— Resolver este problema é uma questão ecológica, mais do que qualquer outra coisa. Tem bicho vivendo ali e não se sabe como.

O diretor da Divisão de Conservação do Departamento de Esgotos Pluviais (DEP), engenheiro Francisco José Ferreira Pinto, informou por meio da assessoria de imprensa, que o córrego faz parte do Arroio Vila Dique. "O desassoreamento do local já está na programação do DEP para ser iniciado nos próximos dias", diz a nota.

ZEROHORA.COM


Essa é a cidade que pretende sediar um evento internacional.

Nenhum comentário: